Publicado em Concursos, Ler +

Ler+ Espaço: promover a curiosidade científica e a imaginação através da leitura


O projeto Ler+ Espaço destina-se aos alunos dos ensinos básico e secundário e resulta de uma parceria estabelecida entre o Plano Nacional de Leitura 2017-2027 (PNL2027),  o Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) e a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL).

Vamos viajar do Sistema Solar às estrelas e das galáxias aos confins e ao início do Universo!

Tendo como contexto o Universo, o projeto Ler+ Espaço desafia as escolas a desenvolver estratégias de leitura de natureza literária e científica, tendo por base a pesquisa e a leitura de textos variados e a sua transposição para formatos tridimensionais, a partir dos quais dão vida a novas leituras.

 

Saber +   aqui e também aqui

Anúncios
Publicado em Semana da Alimentação

Os 3S da alimentação: segura, saudável e sustentável

Uma iniciativa da Zero Desperdício e da DariAcordar em conjunto com a Fundação Calouste Gulbenkian e a Universidade Nova de Lisboa com o objetivo de informar as camadas mais jovens da população sobre a alimentação saudável, segura e sustentável.

SAIBA +

Veja também AQUI a Mensagem do Secretário-geral da ONU sobre o Dia Mundial da Alimentação: 16 de outubro de 2018  

Publicado em Atividades da BE em articulação - 1ºCiclo

Promoção da leitura no 1º Ciclo

Estimular o gosto pela leitura e pelas histórias, desenvolver  e aprofundar  as competências leitoras, desenvolver a expressão oral e escrita e a competência comunicativa, estimular a imaginação, a criatividade literária e a expressão de sentimentos e emoções suscitados pelos textos, são alguns dos objetivos das sessões de trabalho com as turmas do 1º ciclo, orientadas por elementos da equipa da Biblioteca Escolar, em articulação com os professores titulares de turma.

Assim, neste início do ano letivo, as vinte e nove turmas de 1º ciclo do Agrupamento já participaram, quer em atividades de animação da leitura quer de formação de utilizadores. Neste último caso, referimo-nos às turmas de início de ciclo e as turmas de terceiro ano que frequentam pela primeira vez a EB Martim de Freitas. Foram trabalhadas as obras / histórias “Corre, corre, cabacinha”, “A girafa que comia estrelas”, “Poemas da mentira e da verdade” e “O príncipe feliz”.

Publicado em Atividades de Articulação- Grupo disciplinar

¡Viva la Hispanidad! – Comemoração do Dia da Hispanidade

IMG_0294No dia 12 de outubro, a comemoração do Día de la Hispanidad, também denominado Día de la Raza,  abrange todos os países hispânicos. Esta data marca o descobrimento da América por Cristóvão Colombo, a 12 de outubro de 1492, e pretende destacar a língua e a cultura espanhola.

Uma vez mais, os alunos de espanhol assinalaram a festa nacional de Espanha através da exposição de trabalhos alusivos aos símbolos, festas, monumentos e gastronomia de Espanha e dos países de língua hispanofalantes.

A Biblioteca Escolar associou-se a esta comemoração promovendo uma mostra de livros de escritores e pintores de língua espanhola.

A docente de espanhol felicita todos os alunos pelo empenho e criatividade demonstrados.

 

Publicado em Atividades de Articulação- Grupo disciplinar

Diz-me o que comes e dir-te-ei quem serás…

Untitled

No primeiro andar do Bloco C da Escola EB 2.3 de Martim de Freitas, no expositor da nossa biblioteca, está patente uma exposição dedicada à Semana da Alimentação, intitulada Um olhar da Imprensa – Dia Mundial da Alimentação sobre o que comem as nossas crianças.

Um olhar atento sobre as imagens expostas remete-nos para uma reflexão sobre os hábitos alimentares dos jovens na actualidade. Nota-se que, no dia-a-dia, há um consumo excessivo de hidratos de carbono (massas, batatas, pão…) e de produtos açucarados como refrigerantes, néctares e flocos, entre outros.

Torna-se, assim, necessário reforçar a educação alimentar, pois todos devemos praticar uma alimentação equilibrada e diversificada, dando prioridade ao consumo de vegetais, fruta e produtos daquela estação do ano.

Também não podemos esquecer as condições económicas difíceis de muitas famílias que, por vezes, levam ao consumo de produtos mais baratos como os farináceos. Não obstante, podemos contrariar essa tendência, se nos alimentarmos com produtos variados e da época, dado que há maior abundância.

Uma boa alimentação é uma óptima prevenção para evitar situações de doença que, por sua vez, acarretam custos pessoais e para a sociedade em geral.

Como podemos ler na Revista do jornal Expresso de 5 de outubro de 2018 “As crianças comem como se não houvesse amanhã e, quanto mais comem, menos futuro têm”.

Untitled