Publicado em Atividades da BE de Articulação-CEO, Atividades de Articulação- Grupo disciplinar

SEMANA DA MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DO HOLOCAUSTO

Na semana de 21 a 25 de janeiro, o Grupo de História em articulação com a Biblioteca Escolar realizou a Semana da Memória das Vítimas do Holocausto.

Com esta atividade pretendeu-se homenagear a memória das vítimas do regime nazi, seis milhões de Judeus mortos, assim como outras vítimas de genocídio ou de perseguição política, e também sensibilizar a nossa comunidade educativa para a importância do conhecimento da História, para que não se esqueça ou repita o Holocausto.

Pretendeu-se, ainda, consciencializar os alunos para a defesa dos direitos humanos, de forma a evitar novos atos de genocídio, valorizando a formação de uma forte consciência de cidadania ao condenar todo o tipo de manifestações de intolerância e de violência.

Assim, dinamizaram-se sessões de leitura para diferentes públicos e a partir de diferentes obras, tendo-se lido, no 1º ciclo, uma versão da história de Anne Frank com belíssimas ilustrações, publicada na coleção Meninas Pequenas Grandes Sonhos, por Mª Isabel Sánches Vegara, e uma apresentação em powerpoint a partir de imagens da vida de Anne Frank recolhidas online.

No 8ºano, após uma breve contextualização, também se leram passagens do Diário de Anne Frank, falou-se sobre o seu percurso de vida e realizou-se um visita virtual à Casa Museu Anne Frank. Os alunos do Centro de Apoio à Aprendizagem também assistiram à leitura animada e digital do livro História de Erika.

 

Os alunos do 9º ano assistiram à leitura animada e digital do livro História de Erika e a um documentário sobre o Holocausto e concluiu-se a nossa sessão tentando perceber por que motivo é importante o estudo do Holocausto na escola. Todas as sessões terminaram com uma atividade de escrita, contribuindo para a construção gradual de um mural.

mural

No Centro Educativo dos Olivais, a obra selecionada foi A rapariga que roubava livros de Markus Kusak e a respetiva adaptação cinematográfica de Daniel Percival. O enquadramento histórico ficou a cargo do professor de História e a leitura contextualizada de fragmentos do livro foi realizada pela professora bibliotecária. Seguiu-se a apresentação do filme e debate e ainda uma exposição  sobre o Holocausto acompanhada de um  guião de interpretação. Esta atividade foi realizada no quadro do projeto Todos Juntos Podemos Ler.

 

 

Anúncios
Publicado em Atividades de Articulação- Grupo disciplinar, RBE

Alunos do 2º e 3º ciclos realizaram a prova de escola do Concurso Nacional de Leitura

ct

Realizou-se ontem, dia 12 de dezembro, as provas do 2º e 3º Ciclos do Concurso Nacional de Leitura para os alunos da escola sede, havendo 130 alunos inscritos.

A obra selecionada para esta fase de escola/agrupamento foi “O Rapaz de Bronze” de Sophia de Mello Breyner Andresen para o 2º ciclo e a ” A Pérola” de John Steinbeck para os nossos alunos mais velhos.

A nível do agrupamento serão apurados dois alunos por ciclo. Os vencedores irão estar presentes na fase concelhia que se realizará na Biblioteca Municipal de Coimbra.

Esta 13ª edição do Concurso Nacional de Leitura vai prolongar-se até ao dia 25 de maio, dia da grande final, que se realizará em Braga.

Recorde-se que o objetivo central deste concurso é estimular o gosto e os hábitos de leitura e melhorar a compreensão leitora. 

Publicado em Atividades de Articulação- Grupo disciplinar

Direitos Humanos explicados às crianças

 

 

Assinalando o dia 10 de dezembro, e em articulação com a disciplina de Geografia, a equipa da Biblioteca Escolar desenvolveu várias atividades dirigidas aos alunos dos diferentes ciclos da escola.

Assim, para além de uma mostra documental no espaço da BE, enquadrada por um painel alusivo à data, patente no Bloco C, foi dinamizada uma atividade para os alunos do 4º ano de escolaridade.

A partir da projeção de um vídeo com o apelo do Secretário de Estado das Nações Unidas, de um filme de animação intitulado “Direitos humanos para crianças” e da consecução de duas propostas do KIT pedagógico da Amnistia Internacional, os nosso alunos mais novos foram chamados a refletir sobre o que é uma necessidade para o ser humano e o que representa apenas um desejo, permitindo assim o conhecimento da Declaração Universal dos Direitos Humanos de forma simples.

Escreveram também uma palavra humana, tendo a palavra EDUCAÇÃO sido a escolhida.

Kit pedagógico  ( descarregue aqui)

Todas as atividades realizadas tiveram o intuito de chamar a atenção dos alunos para a importância da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Publicado em Atividades de Articulação- Grupo disciplinar

Conhecer para proteger!

Dia da Floresta Autóctone, 23 de novembro.

Os alunos do 5.º C empenharam-se em comemorar este dia, sensibilizando a comunidade escolar para a importância das espécies autóctones com a atividade de sementeira de bolotas de sobreiro e sementes de pilriteiro. Os trabalhos, resultado da sua apurada pesquisa, estão expostos em diversas “vitrines” da escola.

A floresta autóctone constitui um património natural do nosso território pelo que é importante destacar algumas vantagens das árvores autóctones:

– estão melhor adaptadas ao solo e clima;
– resistem melhor às pragas e doenças;
– resistem à seca e chuvas intensas;
– mantêm o solo fértil;
– fazem com que haja água nas fontes;
– resistem melhor ao fogo e evitam a sua propagação;
– contribuem para o equilíbrio dos rios;
– melhoram as paisagens;
– contribuem para a produção de frutos silvestres, plantas medicinais e aromáticas, cogumelos e mel;
– suportam o pastoreio e a caça;
– são fonte de matérias primas, como madeira e cortiça.

Planta uma árvore autóctone!

Contribui para o nosso bem-estar!

Publicado em Atividades de Articulação- Grupo disciplinar

¡Viva la Hispanidad! – Comemoração do Dia da Hispanidade

IMG_0294No dia 12 de outubro, a comemoração do Día de la Hispanidad, também denominado Día de la Raza,  abrange todos os países hispânicos. Esta data marca o descobrimento da América por Cristóvão Colombo, a 12 de outubro de 1492, e pretende destacar a língua e a cultura espanhola.

Uma vez mais, os alunos de espanhol assinalaram a festa nacional de Espanha através da exposição de trabalhos alusivos aos símbolos, festas, monumentos e gastronomia de Espanha e dos países de língua hispanofalantes.

A Biblioteca Escolar associou-se a esta comemoração promovendo uma mostra de livros de escritores e pintores de língua espanhola.

A docente de espanhol felicita todos os alunos pelo empenho e criatividade demonstrados.

 

Publicado em Atividades de Articulação- Grupo disciplinar

Diz-me o que comes e dir-te-ei quem serás…

Untitled

No primeiro andar do Bloco C da Escola EB 2.3 de Martim de Freitas, no expositor da nossa biblioteca, está patente uma exposição dedicada à Semana da Alimentação, intitulada Um olhar da Imprensa – Dia Mundial da Alimentação sobre o que comem as nossas crianças.

Um olhar atento sobre as imagens expostas remete-nos para uma reflexão sobre os hábitos alimentares dos jovens na actualidade. Nota-se que, no dia-a-dia, há um consumo excessivo de hidratos de carbono (massas, batatas, pão…) e de produtos açucarados como refrigerantes, néctares e flocos, entre outros.

Torna-se, assim, necessário reforçar a educação alimentar, pois todos devemos praticar uma alimentação equilibrada e diversificada, dando prioridade ao consumo de vegetais, fruta e produtos daquela estação do ano.

Também não podemos esquecer as condições económicas difíceis de muitas famílias que, por vezes, levam ao consumo de produtos mais baratos como os farináceos. Não obstante, podemos contrariar essa tendência, se nos alimentarmos com produtos variados e da época, dado que há maior abundância.

Uma boa alimentação é uma óptima prevenção para evitar situações de doença que, por sua vez, acarretam custos pessoais e para a sociedade em geral.

Como podemos ler na Revista do jornal Expresso de 5 de outubro de 2018 “As crianças comem como se não houvesse amanhã e, quanto mais comem, menos futuro têm”.

Untitled

Publicado em Atividades de Articulação- Grupo disciplinar

Dia Mundial da Música

 Por que motivo Pedro é um rapaz que não tem medo de lobos?

IMG_0276

A comemoração do Dia Mundial da Música foi assinalada com a projeção  do filme de animação “Pedro e o Lobo “ de Suzie Templeton  dos estúdios ArtHaus Musik, com a música de Sergei Prokofiev,  antecedida de uma explanação sobre os instrumentos de orquestra, com suporte na narração na voz de  Eunice Muñoz .

 Esta atividade foi desenvolvida em articulação com os professores titulares de turma dos alunos do 3º ano da Martim de Freitas, uma turma do 5ºano e os professores da Unidade de Ensino Especial, no quadro do projeto de inclusão através da leitura “LeR para SeR” –  TODOS JUNTOS PODEMOS LER.